Você está visualizando atualmente Quais são os direitos dos consumidores na Black Friday?
Solucione seu caso aqui

A relação entre Black Friday e direitos do consumidor é algo que tem que estar na cabeça dos brasileiros. Afinal, a época comercial mais esperada do ano pode se tornar um pesadelo se o consumidor não souber comprar da forma certa e garantir seus direitos.

Neste texto, nós vamos te ajudar a entender todos os seus direitos com relação à Black Friday e ainda vamos te dar dicas importantes para você não cair em uma roubada.

Continue a leitura e saiba mais sobre Black Friday e direitos dos consumidores!

O que é a Black Friday?

A Black Friday é um evento de compras que teve origem nos Estados Unidos e, tradicionalmente, acontece no dia seguinte ao feriado de Ação de Graças, que é celebrado na 4ª quinta-feira de novembro. 

Ela marca o início da temporada de compras de fim de ano, com ofertas e descontos significativos oferecidos por varejistas físicos e lojas online.

A Black Friday é conhecida por atrair multidões de consumidores em busca de promoções, e muitas vezes é considerada o dia de compras mais movimentado do ano.

Os descontos oferecidos durante a Black Friday abrangem uma ampla gama de produtos, desde eletrônicos, roupas e calçados até eletrodomésticos, brinquedos e muito mais. Muitas vezes, as lojas anunciam preços com descontos substanciais, incentivando os consumidores a aproveitar as ofertas.

No entanto, a popularização da Black Friday também gerou críticas em relação a práticas de marketing agressivas, como a inflação de preços antes do evento para, em seguida, oferecer descontos que, na realidade, não são tão vantajosos quanto parecem. Por aqui, chamamos essa jogada de “Black Fraude”.

Portanto, é importante que os consumidores estejam atentos e façam compras com responsabilidade, comparando preços e verificando a autenticidade das promoções.

Quer fugir da Black “Fraude”? Clique e veja 7 dicas para fugir das ciladas.

O que o consumidor deve ficar atento durante a Black Friday?

Por mais que a Black Friday seja um momento muito interessante para compras, o que muitas pessoas não se atentam é que esse é também um período com muitas promoções falsas e prejuízos financeiros.

Para te ajudar a fazer compras de forma segura, garantindo os seus direitos, separamos abaixo algumas dicas importantes para o período de Black Friday:

  • Faça comparação de preços: antes de comprar, pesquise e compare preços do produto que deseja adquirir em diferentes lojas. Às vezes, os descontos na Black Friday podem não ser tão significativos quanto parecem, e você pode encontrar um preço melhor em outro lugar;
  • Verifique a autenticidade das promoções: esteja ciente de que alguns vendedores podem aumentar os preços antes da Black Friday para, em seguida, oferecer descontos que não são tão vantajosos quanto parecem. Faça um acompanhamento dos preços dos produtos que você deseja comprar para garantir que os descontos sejam reais;
  • Veja a política de devolução: leia as políticas de devolução das lojas antes de fazer uma compra. Certifique-se de que você pode devolver ou trocar produtos, se necessário, e conheça os prazos e condições para isso;
  • Preze pela segurança na compra online: verifique se há um cadeado na barra de endereço (indicando que a conexão é segura) e evite sites desconhecidos ou suspeitos. Além disso, faça uma pesquisa sobre a loja em sites como o Reclame Aqui e o Google Meu Negócio;
  • Verifique se o site possui proteção de dados pessoais: esteja atento à segurança dos seus dados pessoais e financeiros ao fazer compras online. Use sites confiáveis e evite fornecer informações sensíveis a fontes não verificadas;
  • Leia as avaliações e análises: antes de comprar um produto, leia avaliações e análises de outros consumidores. Isso pode ajudar a avaliar a qualidade do produto e a experiência de compra com a loja;
  • Fique atento ao estoque limitado: lembre-se de que os produtos com desconto podem ter estoque limitado. Esteja preparado para fazer compras cedo, especialmente se você tem um item específico em mente;
  • Verifique a garantia do produto: certifique-se de que os produtos que você está comprando ainda possuem garantia ou verifique se estão claramente marcados como produtos de segunda mão ou com defeito, se aplicável;
  • Saiba dos seus direitos do consumidor: conheça seus direitos como consumidor e esteja ciente de que eles se aplicam durante a Black Friday. Isso inclui o direito a informações claras e precisas, o direito de desistência em compras online e o direito à garantia de produtos.

Veja como garantir seus direitos ao comprar pela internet.

Quais são os direitos dos consumidores na Black Friday?

Mas afinal, quais são os direitos do consumidor na Black Friday?

Solucione seu caso aqui

Os direitos dos consumidores durante a Black Friday são, em sua essência, os mesmos que em qualquer outra época do ano. Esses direitos são pautados pelo Código de Defesa do Consumidor e podem ser conferidos no site do CDC.

Dentre os principais direitos do consumidor na Black Friday estão:

Direito à informação clara e precisa:

Os consumidores têm o direito de receber informações claras e precisas sobre os produtos, preços, promoções e condições de venda.

As lojas não devem fornecer informações enganosas ou falsas sobre os produtos.

Direito de arrependimento

Em compras online ou à distância, os consumidores têm geralmente o direito de se arrepender da compra no prazo de sete dias a partir da data de recebimento do produto, conforme previsto no Código de Defesa do Consumidor.

Isso significa que você pode devolver o produto sem a necessidade de justificar o motivo.

Garantia

Os produtos vendidos na Black Friday ainda devem cumprir as garantias legais.

Se um produto apresentar defeitos, o consumidor tem o direito de solicitar reparo, troca ou reembolso, de acordo com a lei e a política da loja.

Política de devolução

As lojas devem ter uma política de devolução clara e divulgada, e os consumidores têm o direito de devolver produtos que não atendam às suas expectativas, desde que sigam os procedimentos estabelecidos pela loja.

Publicidade honesta

As promoções e ofertas anunciadas durante a Black Friday devem ser claras e precisas. As lojas não podem usar publicidade enganosa para atrair os consumidores.

Além disso, as lojas não podem, em hipótese alguma, aumentar os preços antes de Black Friday e depois diminuí-los informando ser um desconto. Essa fraude pode gerar multa e outros danos.

Atendimento ao consumidor

Os consumidores têm o direito de receber um bom atendimento ao cliente e obter informações sobre produtos, preços e garantias.

É importante que os consumidores estejam cientes desses direitos e estejam dispostos a exercê-los, se necessário, para garantir uma experiência de compra justa e satisfatória durante a Black Friday.

Caso tenham problemas em garantir os seus direitos durante as compras na Black Friday, orientamos a procura de um advogado. O Quero Meus Direitos é uma plataforma que te ajuda a buscar pelos seus direitos como consumidor. Entre em contato com nossa equipe gratuitamente, relate o seu caso e indicaremos um advogado para te ajudar.

Solucione seu caso aqui