You are currently viewing Black Friday: 7 dicas para não cair na Black Fraude

Black Friday: 7 dicas para não cair na Black Fraude

Muitas pessoas esperam a Black Friday para comprar aquele item desejado há algum tempo. Mas, junto a esse momento oportuno de compras, vem sempre o medo de cair em golpes, por isso hoje vamos falar sobre algumas dicas para não cair na Black Fraude.

 Esse texto é especialmente para você que quer comprar com desconto de forma segura. Sem armadilhas esse ano! Continue a leitura e confira!

O que é a Black Friday?

A Black Friday é uma temporada de compras promocionais que acontece na última sexta-feira do mês de novembro. Em 2021, a data será dia 26 de novembro.

As promoções, geralmente, acontecem na sexta-feira, por isso o nome Black Friday, mas muitas empresas já adotaram a política de promoções durante todo o mês de novembro.

Essa tradição começou nos Estados Unidos e hoje é considerada uma das datas mais importantes para o comércio brasileiro.

Mas é preciso ficar atento às promoções para não cair em fraudes de preços e de compras de produtos.

7 Dicas para não cair na Black Fraude

Chegou a hora de comprar e o que a gente não quer é que você tenha dor de cabeça durante essa temporada de promoções.

Por isso, listamos abaixo 7 dicas para não cair na Black Fraude. Confira:

1-     Preste atenção nos links

Se você recebeu alguma mensagem com links promocionais de Black Friday não clique. A melhor opção nesse caso é entrar no site oficial da empresa e procurar pela oferta.

Vários criminosos mandam links via WhatsApp, SMS, Facebook, Instagram e e-mails com ofertas da Black Friday que, na verdade, não passam de golpes para que você pague por um produto e nunca receba.

Além disso, eles usam seu acesso para clonar dados e acabar usando para outros tipos de fraudes.

Leia também: Riscos do vazamento de dados ocorrido em 2020.

2-     Prefira comprar com cartão virtual

A maioria dos bancos, hoje em dia, oferecem a possibilidade de ter um cartão virtual. Um cartão que pode ser cancelado ou trocado a qualquer momento, que você pode deixar apenas para compras online ou até mesmo cartões virtuais que mudam de número a cada compra.

Essa é uma facilidade que ajuda muito na segurança dos seus dados.

Outra opção viável é utilizar plataformas de pagamento como PayPal, Mercado Pago e PagSeguro. Essas plataformas são especializadas em compra online e possuem certificado de segurança.

Lembre-se: evite pagar compras de Black Friday por boleto bancário, transferência ou PIX. Esses meios de pagamento são mais difíceis de reaver os valores pagos.

3-     Verifique se o site de compra possui conexão segura

Esse é um detalhe que passa despercebido pelos consumidores na maioria das vezes. Verifique sempre se o site que você está comprando possui as iniciais HTTPS. Isso significa que são sites mais confiáveis e seguros para compra.

Se o site for HTTP analise outros fatores de segurança como certificados e avaliações em sites como Reclame Aqui.

Outra dica é verificar se ao acessar o carrinho de compra com o item escolhido aparece um cadeado na barra do navegador. Esse detalhe também indica que os dados são criptografados, trazendo mais segurança para a compra.

4-     Antes de comprar confira o histórico de preços

Muitas empresas enganam seus consumidores aumentando o preço dias antes da Black Friday e depois abaixando, trazendo de volta os valores originais. Nesse caso., não existe preço promocional e sim uma fraude durante o mês de novembro.

Para não cair nesse golpe, a nossa orientação é que você pesquise preços a partir de outubro e fique monitorando a mudança dos valores. Outra dica é pesquisar em mais de uma loja qual o valor está sendo comercializado, assim você saberá se aquela loja específica está agindo ou não de má-fé.

5-     Salve todas as informações da sua compra

Anúncio do desconto, nota fiscal de pagamento, comprovante de compra, e-mails de recebimento de pedido, e-mails de confirmação de pagamento. Guarde todos os documentos e informações que podem comprovar que você realizou, de fato, aquela compra.

Dessa forma, caso dê algum tipo de problema você pode comprovar que realmente viu a promoção e que realizou a compra. Isso irá garantir que seus direitos como consumidor sejam cumpridos e que você não fique no prejuízo.

6-     Analise a reputação da empresa

Antes de comprar, uma dica importante é analisar a reputação da empresa. Existem sites como o Reclame Aqui que são especializados em dar voz ao consumidor brasileiro. Com isso, lá é possível analisar comentários e avaliações sobre diversas empresas.

Outra dica é pesquisar o CNPJ e verificar se a empresa está realmente ativa, se o endereço comercial bate com o divulgado e até os telefones de contato.

Utilize também o Procon e o Ministério da Justiça para verificar reclamações contra as empresas e resoluções de problemas anteriores.

7-     Tome cuidado com preços muito baixos

É sempre bom lembrar que uma loja não irá fazer uma promoção para não ganhar nada em cima do valor do produto. Por isso, tome cuidado com preços muito baixos e descontos excessivos, que podem significar golpe.

Outro ponto é verificar o valor do frete, já que o valor muito baixo do produto pode ser sinal de fretes elevados, já que a empresa prefere compensar uma coisa em cima de outra.

O mais importante é sempre ficar atento à promoções chamativas e que podem não fazer sentido.

Caí na Black Fraude, e agora?

Se você não seguiu as orientações ou está procurando ajuda porque caiu na Black Fraude, não se desespere. Cada caso de golpe é avaliado e tratado da melhor forma possível para que todos os consumidores tenham seus direitos garantidos.

Por isso, nossa primeira orientação é juntar todos os documentos necessários que comprovem a promoção divulgada e sua compra feita. Depois, com todos os documentos em mãos, procure seus direitos.

Entre em contato com nossa equipe. Nós, da Quero Meus Direitos, unimos cidadãos que buscam por seus direitos a advogados especializados no assunto.

Além disso, caso você queira saber mais dicas de direito do consumidor, acesse nosso blog. Periodicamente produzimos conteúdos com o intuito de manter nossos leitores sempre muito bem informados sobre seus direitos!