You are currently viewing Posso fazer faculdade com o nome sujo?

Posso fazer faculdade com o nome sujo?

Posso fazer faculdade com o nome sujo? Essa é uma pergunta comum, já que grande parte dos brasileiros está com dívidas e a negativação é um empecilho para várias situações.

Além disso, a época da faculdade costuma ser desafiadora. Muitas pessoas, inclusive, já entram na universidade com algumas dificuldades financeiras, como aquelas que precisam do estudo para conseguirem um emprego, por exemplo.

Mas será que essa é uma possibilidade? É possível fazer faculdade com o nome sujo? Continue a leitura e descubra!

Posso fazer faculdade com o nome sujo?

Pode. Quem está com o nome sujo pode, sim, fazer faculdade. Essa é uma determinação do Sistema Único de Apoio ao Crédito (Sudac) que garante que as instituições de ensino não podem realizar consultas nos órgãos de proteção ao crédito, como SPC/Serasa.

Essa é uma grande vantagem já que, geralmente, as pessoas que estão com o nome sujo são as que mais precisam de apoio e incentivo para conseguirem uma nova profissão.

O Brasil tem hoje 6,5 milhões de universitários. Desses, cerca de 6,3 milhões fazem algum curso de graduação e 173 mil de cursos de pós-graduação.

Aluno com nome sujo, para entrar na faculdade, impacta em algo?

Existe uma desvantagem para o aluno que está com o nome sujo e quer entrar na faculdade: o aluno pode perder alguns benefícios, como o acesso ao FIES, Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior.

Além disso, o registro nos órgãos de proteção ao crédito podem impossibilitar que o aluno tenha direito a alguma bolsa de estudo oferecida pela faculdade.

Quais as consequências para o aluno com nome sujo?

Outra consequência pode acontecer se o aluno está com o nome sujo e, por algum motivo, não consegue pagar as mensalidades do seu curso. Nesse caso, a primeira medida tomada pela faculdade é entrar em contato com o aluno para tentar negociar a pendência financeira.

Nesse caso a faculdade geralmente oferece um acordo, que vai desde a diminuição dos valores das parcelas até o parcelamento da dívida no cartão de crédito.

Aí sim, nesse caso, a faculdade pode barrar sua rematrícula para o próximo semestre já que a instituição de estudo estaria sendo diretamente prejudicada pela sua situação financeira.

Mesmo assim, segundo a Lei nº 9.870/99, a faculdade não pode:

  • Suspender o aluno das provas escolares;
  • Aplicar, ao aluno, penalidade pedagógica;
  • Pedir o afastamento ou desligamento do aluno enquanto o mesmo estiver em período de aulas;
  • Reter os documentos do aluno.

Sou aluno e estou com o nome sujo, e agora?

Posso fazer faculdade com o nome sujo

A melhor solução para alunos com o nome sujo é fazerem a renegociação da dívida o mais rápido possível. Isso irá garantir que o aluno elimine suas pendências na faculdade e consiga fazer a solicitação de rematrícula normalmente.

Para isso, em primeiro lugar, identifique quais as dívidas você tem com a instituição, quais são os valores e meses atrasados. Anote tudo em um papel para que você tenha registrado. É sempre bom ficar atento também se a cobrança feita pela faculdade é devida, já que, muitas vezes, pode haver confusões no sistema financeiro gerando cobranças que não são relativas ao seu contrato.

Depois, vá até o setor financeiro da instituição e informe que você quer regularizar a situação. Escute a proposta da faculdade e fale qual a forma você gostaria de pagar o débito.

Muitas vezes, conforme já citamos, a faculdade oferece um desconto para pagamento a vista do débito. Verifique os valores, faça as contas e veja se esse tipo de negociação é interessante para você.

Estou tentando matricular com o nome sujo e a faculdade não está permitindo. O que devo fazer?

Essa é uma situação ilegal e, por isso, você deve lutar pelos seus direitos.

Nesse caso, converse com um advogado especialista em direito do consumidor e peça para que ele verifique o que é possível fazer para garantir sua matricula.

A Quero Meus Direitos une cidadãos que buscam por seus direitos a advogados especializados. Por isso, entre em contato com nossa equipe.

Como sei que estou com o nome sujo?

É muito importante que você tenha acesso periódico à situação do seu CPF. Lembre-se: o seu nome é o bem mais precioso que você tem, por isso você deve cuidar muito bem dele.

Pensando nessa situação o SPC/Serasa mantém um canal de autoatendimento com os consumidores no qual é possível consultar, quando e onde quiser, a situação do seu CPF.

Quer consultar se está com nome sujo? Siga as instruções abaixo:

  • Acesse o site do Serasa;
  • Na tela inicial, digite o número do seu CPF;
  • Clique em “consultar agora”;
  • Se for o seu primeiro acesso, preencha seu cadastro e faça a verificação. Para isso você receberá um e-mail ou um SMS com a confirmação de cadastro;
  • Digite o código de confirmação e clique em “confirmar código”;
  • Depois disso é só acessar.

Na página do Serasa você terá acesso a todas as informações do seu CPF como Score de comprador, que define se você é um comprador ou não, contrato ativos e débitos.

Com essas informações em mãos, será bem mais fácil resolver sua vida financeira e ficar com o nome limpo novamente.

Vale ressaltar que o seu nome não pode ser inserido no Serasa sem uma comunicação prévia, ou seja, é obrigatório que a empresa faça uma notificação por escrito para o endividado, comunicando que a dívida deve ser paga ou seu nome será inscrito no órgão de proteção ao crédito.

Depois dessa comunicação, o consumidor tem o prazo de 10 dias para regularizar a situação com o credor e só após essa data, se a dívida não for quitada, o CPF é inserido no Serasa.

Como limpar meu nome depois de pagar minha dívida?

Pagou suas dívidas e quer seu nome limpo novamente? Fique tranquilo, depois do pagamento feito e segundo as normas estão em vigor, a empresa credora tem o prazo máximo de cinco dias para retirar o CPF do cliente dos registros do banco de dados do SPC e Serasa.

Gostou do nosso conteúdo? Você talvez goste também de: