You are currently viewing WhatsApp clonado: o que fazer?

WhatsApp clonado: o que fazer?

Você com certeza conhece alguém que teve o WhatsApp clonado. Infelizmente, essa é uma situação comum no dia a dia e que deve ser levada a sério, já que esse tipo de golpe pode gerar grandes transtornos.

Ter o WhatsApp clonado pode fazer com que seus amigos e familiares percam dinheiro. Afinal, o golpe pode induzi-los a depositar dinheiro para o criminoso, se acreditarem que o contato é mesmo você. Além disso, você pode acabar perdendo conversas e informações importantes ao ter que reinstalar o aplicativo no seu aparelho.

Hoje, vamos falar um pouco mais sobre os transtornos causados por esse golpe: WhatsApp clonado, o que fazer?

Continue a leitura e fique por dentro do assunto!

Como funciona a clonagem do WhatsApp?

A clonagem do WhatsApp é o tipo mais comum de golpe aplicado pelo aplicativo de troca de mensagens instantâneas.

Nesse caso, os golpistas entram em contato com a vítima pelo app. Eles se passam por um funcionário de loja ou banco e informam que enviarão um código de seis dígitos para que a vítima, desatenta, o informe.

Esse é o código de segurança gerado todas as vezes que o aplicativo é instalado em um número diferente. Ao informar esse código ao ator do golpe você está, literalmente, dando sua conta do WhatsApp para ele.

Nesse caso, automaticamente, você para de ter acesso ao seu app e essa pessoa terá acesso aos seus contatos e mensagens.

Quais as consequências do WhatsApp clonado?

whatsapp clonado

Após clonar o seu WhatsApp, o bandido começa imediatamente a enviar mensagens para amigos e familiares se passando por você. Ele provavelmente vai informar que passa por uma emergência financeira e pedir que deposite ou transfira o valor para uma conta.

Amigos e familiares da vítima de clonagem que acabam cedendo ao pedido do bandido e depositando o valor, muito provavelmente não verão esse dinheiro novamente, já que a recuperação é muito difícil.

Esse é o maior transtorno que pode ocorrer com o WhatsApp clonado.

Claro que ainda existem os transtornos de:

  1. Avisar todos os seus contatos para que eles não transfiram nenhum valor
  2. Tentar recuperar a conta novamente.

Como evitar a clonagem do WhatsApp?

Existem alguns procedimentos simples que ajudam a evitar a clonagem do WhatsApp. O principal deles é configurar, em seu app, a autenticação de duas etapas ou dois fatores.

Nesse caso, além de terem o código de segurança da instalação do aplicativo, o bandido ainda precisará ter o código da autenticação de dois fatores para conseguir clonar o seu WhatsApp.

Para configurar a autenticação de duas etapas no seu aplicativo do WhatsApp, siga as instruções abaixo:

  1. Entre no seu app do WhatsApp;
  2. Clique em “configurações”;
  3. Clique em “conta”;
  4. Clique em “confirmação em duas etapas”;
  5. Clique em “ativar”

Após isso, o aplicativo irá pedir para que você cadastre uma senha de 6 dígitos e seu e-mail. Em seguida, você terá sua autenticação de dois fatores ativada.

Ressaltamos que esse código, muitas vezes, é pedido pelo próprio app do WhatsApp para que você consiga acessar as mensagens. Nesse caso, você pode inserir o código normalmente, só não o informe para ninguém!

Outra forma de evitar clonagem do WhatsApp é restringir sua foto de perfil para que apenas seus contatos tenham acesso. Isso evita que uma pessoal mal-intencionada consiga sua foto apenas inserindo seu contato e abrindo uma nova conversa. Para ter acesso à sua foto, essa pessoa precisaria estar salva em seus contatos.

Para ter mais credibilidade no golpe, é costume colocar a sua imagem de perfil no novo número de WhatsApp.

WhatsApp clonado, o que fazer?

Seu WhatsApp foi clonado, e agora?

1.     Avise amigos e familiares

Em primeiro lugar, avise seus familiares e amigos do ocorrido. Isso vai garantir de que eles não transfiram nenhum valor para a conta errada, eliminando a chance de perderem dinheiro.

Infelizmente, o aplicativo não oferece a opção de derrubar a conta do WhatsApp clonado e, por isso, avisar as pessoas é a parte mais importante. Peça para que eles desconfiem de mensagens diferentes das que você está acostumado a enviar e de números desconhecidos com fotos de alguém conhecido.

Além disso, é importante que todos saibam que, se alguém pede dinheiro pelo WhatsApp, a melhor forma é entrar em contato com a pessoa por telefone para confirmar o pedido e entender o que realmente está acontecendo.

2.     Não bloqueie sua linha

Em segundo lugar, não peça para a operadora bloquear sua linha telefônica. Isso só vai dificultar para que você recupere sua conta do WhatsApp já que o bloqueio da linha não altera o funcionamento do aplicativo de troca de mensagens.

Caso você já tenha feito essa ação de bloqueio antes de ler esse texto, tente desfazer imediatamente.

3.     Tente ativar novamente a conta

O próprio WhatsApp oferece um mecanismo para tentar recuperar o acesso à conta e às conversas. Nesse caso, você pode tentar ativar sua conta por SMS. Tente repetir a ação insistentemente até conseguir que ela fique ativa.

Porém, caso os golpistas tenham configurado a autenticação de duas etapas logo após o roubo, essa ação fica mais difícil.

Dessa forma, o mais recomendado é aguardar sete dias corridos e pedir novamente a ativação do seu número do WhatsApp por SMS. Nesse caso, também é interessante avisar ao seu banco sobre possíveis golpes, por precaução, e fazer um boletim de ocorrência (BO).

4.     Converse com um advogado

Conversar com um advogado é uma das principais ações em caso de clonagem de WhatsApp, principalmente quando existe a situação de que algum amigo ou familiar passou dinheiro para os bandidos.

Nesse caso, o advogado irá conseguir te auxiliar quanto a melhor forma de agir perante o ocorrido, deixando as coisas mais esclarecidas e mais fáceis de serem resolvidas.

A Quero Meus Direitos une cidadãos que buscam por seus direitos a advogados especializados no assunto.

Entre em contato e lute por seus direitos.

E se você tem interesse em saber mais sobre seus direitos, acesse nosso blog e confira nossos conteúdos exclusivos.